Infecções do trato urinário

Infecções do trato respiratório (sinusites, amigdalites, pneumonias), infecções cutâneas (furúnculos, foliculites, celulites, erisipelas) e do trato urinário (bexiga e rins) podem ser causadas por diversos tipos de microorganismos, como vírus, bactérias ou fungos.No entanto, mesmo para quadros clínicos idênticos, para cada faixa etária e dependendo das características individuais dos pacientes (tabagismo, imunossupressão, doença prévia no órgão acometido, outras doenças concomitantes, etc...) existe maior prevalência de um tipo de agente infeccioso sobre outro. É sempre desejável que se faça diagnóstico preciso do agente causador e de sua sensibilidade aos antibióticos, mas em grande parte dos casos, isso é dispensável. Entretanto, em casos específicos, é de fundamental importância a busca persistente de um diagnóstico etiológico, isso é, do agente causal da infecção, possibilitando a instituição de tratamento adequado. O tratamento inadequado com antibióticos pode levar à resistência do microorganismo envolvido, a efeitos colaterais importantes e à disseminação da infecção pelo organismo, com sérias conseqüências. O seu infectologista saberá indicar corretamente o tipo e a dose do antibiótico a ser utilizado e a duração do tratamento em cada caso.